2018-10-08
Barbot e Entreportas oferecem 5000 razões para proteger o ambiente
Barbot

Não é possível acabar com o plástico de um dia para o outro, mas é possível usar o plástico com parcimónia, começando pelo gesto mais simples de todos: se tem mesmo de o usar, pelo menos não o deite fora a seguir. É essa a proposta de sustentabilidade ambiental que a ENTREPORTAS, numa ousada parceria com a Barbot, lhe lança: dê um impulso à sua vontade ecológica, reduza o desperdício e ajude a melhorar a sua e a nossa vida no planeta.

 

"A Barbot e a Entreportas vão consigo às compras" é o mote da parceria entre duas marcas que pretendem desafiar a população a reduzir a utilização de sacos de plástico. As duas empresas acabam de dar o primeiro passo naquela que é apenas a primeira ação de sensibilização para reduzir a pegada ecológica através da oferta de 5000 sacos reutilizáveis à população. Para usar e guardar para a próxima vez. 

Com esta ação, a ENTREPORTAS, empresa líder de mediação imobiliária no Norte do país, e a Barbot, grupo de referência nacional e internacional, que se distingue no mercado das tintas pelo seu forte posicionamento na decoração de interiores, colocam-se na linha da frente das empresas que procuram cuidar da preservação ambiental.

 

Sofia Barreto, diretora de Marketing e comunicação do grupo ENTREPORTAS lembra que Portugal é dos países europeus que mais sacos de plástico utiliza. Em muitos casos, a utilização é única e dura em média 15 minutos - contra 500 anos de decomposição. A utilização de materiais ecológicos para promover a sustentabilidade também não é uma estreia para a Barbot, acrescenta Sofia Miguel, diretora de Marketing da marca que ainda este verão lançou uma novidade no mercado: a Dioplaste ECO, uma tinta sem conservantes que protege a qualidade do ar, é 100% responsável e, por isso, mais amiga do ambiente.

 

Com esta ação promocional a Barbot e a ENTREPORTAS esperam contribuir de forma clara para que cada um, com pequenos gestos do dia a dia, façam a diferença. Para termos amanhã o que ainda temos hoje.

 

O texto acima é da inteira responsabilidade da empresa/entidade em causa. FONTE: Press Release

ASSINE JÁ
aceito os termos e condições